Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cada vez que ligo o computador, aparece-me a fotografia da pobre da criança assassinada.

Que me interessa a mim quem matou a menina? Tanto me faz que tenha sido o pai, a madrasta, ou um dos filhos dela. O que me interessa é que aquela criança foi colocada em perigo.

Que me interessa que estivesse referenciada pela comissão de proteção de menores? Escrevo o nome em letra minúscula, porque a sua ação foi minúscula também. Não merece mais respeito.

Nem sequer me interessa se a miúda fez uma birra, ou partiu a terrina de Limoges. Nada justifica tanta maldade.

Que me interessa a mim que as pessoas tenham direito a uma segunda oportunidade?

Quem tem filhos NÃO DEVERIA TER DIREITO A UMA SEGUNDA OPORTUNIDADE!

Quando um casal se separa, os filhos deveriam ser retirados AOS DOIS.

As vidas das crianças não são um jogo de damas: hoje jogas com as brancas, e amanhã jogas com as pretas.

Hoje aturas a madrasta + os filhos dela. Amanhã aturas o padrasto + os filhos dele.

Madrastas, padrastos, e respetivos filhos, não são companhia adequada para criança nenhuma. Não há laços afetivos. Há competição. O pai cede às exigências da fulana com quem dorme. A mãe cede às exigências do fulano que meteu na cama.

Aquilo não é um refúgio, é um ninho de cobras.

Exposta a minha fúria, convém que diga o que se faz às crianças, nesta minha teoria. Pois eu acho que deveriam ser entregues a avós. Aos avós que cada criança preferisse. Porque aí, poderia sentir-se em casa. Sentir-se segura.

Amor! É de amor que os miúdos precisam (especialmente quando o lar se desfaz). Mas nestas vidas idiotas, eles não o encontram.

Por último digo, que eu não sou contra o divórcio. Sou é contra que façam dos filhos vítimas.

Sou contra o facto de assumirem como mais importante que tudo o resto, encontrarem companhia sexual.

Coitada da miúda! Coitados de tantos outros...

publicado às 17:46


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D